30 de maio

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
31/03/23 às 21h52 - Atualizado em 31/03/23 às 21h52

Presidente da Comissão de Transporte da CLDF visita Túnel de Taguatinga

COMPARTILHAR

O Túnel de Taguatinga recebeu, nesta sexta-feira (31), a visita do presidente da Comissão de Transporte e Mobilidade Urbana da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), deputado distrital Max Maciel (Psol). Junto com o secretário de Obras, Luciano Carvalho, e o administrador de Ceilândia, Dilson Resende, o parlamentar acompanhou de perto a etapa final da construção do complexo viário. E comemorou o impacto positivo que a obra terá no trânsito da região.

“Também mostramos nossa preocupação com a qualidade e a segurança. São aspectos importantes para que o deputado tenha noção de como o dinheiro está sendo investido”

Luciano Carvalho, secretário de Obras

“A visita ao túnel permitiu não só acompanhar o andamento da obra, mas também entender como ela vai facilitar a mobilidade urbana”, comentou Max Maciel. “A gente sabe que as cidades crescem, o trânsito fica mais intenso… Precisamos reduzir o transporte individual e aumentar o acesso ao transporte público. E isso se faz, também, com obras de engenharia e infraestrutura, como a criação dos corredores para ônibus.”

O boulevard do Túnel de Taguatinga será reservado para uso exclusivo do BRT, sigla em inglês para bus rapid transit (ônibus de trânsito rápido). O complexo viário faz parte do Corredor Eixo Oeste. O mais ambicioso projeto de mobilidade urbana do Distrito Federal foi idealizado para permitir que os coletivos viagem do Sol Nascente até a área central do Plano Piloto em apenas 30 minutos.

Durante a apresentação do Túnel de Taguatinga ao parlamentar, o secretário Luciano Carvalho aproveitou para pontuar as questões técnicas mais relevantes da obra. “Também mostramos nossa preocupação com a qualidade e a segurança”, contou. “São aspectos importantes para que o deputado tenha noção de como o dinheiro está sendo investido”, completou. A construção do complexo viário ficou em R$ 275.744.558,87.

O administrador de Ceilândia acompanhou a visita com otimismo. “A população da nossa cidade está ansiosa para receber essa obra”, observou. “A construção afetará diretamente o trajeto que as pessoas fazem entre casa e trabalho. Um deslocamento mais rápido implica em mais qualidade de vida”. Além de Dilson Resende, também estavam presentes representantes da Administração Regional de Taguatinga.

(Com informações da Agência Brasília)

Mapa do site Dúvidas frequentes