28 de janeiro

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
29/11/22 às 10h53 - Atualizado em 29/11/22 às 10h53

Concluída armação dos muros que sustentam via do BRT no Túnel de Taguatinga

COMPARTILHAR

Os paredões que vão sustentar a via de ligação entre o viaduto para ônibus do Túnel de Taguatinga e a Avenida Elmo Serejo já têm armação pronta. A estrutura, feita com 11 toneladas de vergalhões de aço cortados e dobrados, vai reforçar o concreto nos dois muros de contenção da pista elevada.

Serviço começou pela concretagem da base, passando em seguida para os paredões | Foto: Lúcio Bernardo Jr./Agência Brasília

As barras circulares foram montadas em cima de uma camada de concreto magro, usada para proteger a construção da umidade do solo. “Essa espécie de sub-base ficou pronta no último dia 12”, comenta o engenheiro civil José Alfredo Aguiar. “Desde então, vínhamos trabalhando na montagem da armação da base e dos muros”.

O serviço foi concluído na quarta-feira (23). E, no mesmo dia, os operários deram início à concretagem. “Começamos pela base, usando cerca de 17 m³ de concreto”, conta José Alfredo. “Na sexta [25], passamos para os dois paredões, um processo que será feito aos poucos por conta do tamanho deles”.

Cada um dos muros de contenção terá 80 m de comprimento, com altura máxima de pouco mais de 3 m – distância entre a ponta solta da rampa do BRT e a superfície. “A concretagem será feita em trechos de 10 m de extensão por vez”, esclarece o engenheiro civil Everaldo Barros. “Devemos gastar três dias por módulo, se a chuva não atrapalhar”.

Os dois muros laterais vão sustentar a pista até que ela esteja a cerca de um metro da superfície. “O restante da via não precisa de contenção”, explica José Alfredo. “Os últimos cinco metros serão feitos em cima de um aterro até que encontrem as faixas de rolamento da Elmo Serejo”.

(Com informação da AGENCIA BRASILIA)

Mapa do site Dúvidas frequentes